Banner
Dehonianos - Província BSPArtigosPADRE DEHON EM VISITA A SANTA CATARINA (13)

PADRE DEHON EM VISITA A SANTA CATARINA (13)

Capítulo XXIX
Itajaí – Reflexões – Espera

[18 de Novembro] De Brusque volto de carroça para Itajaí, onde espero tomar logo um navio. Chego dia 20, o navio deve chegar dia 26. Leio, escrevo, traduzo o livro de Tilenaire sobre Pernambuco.

21 de Novembro: Bela festa da Apresentação, lembrança de nossas festas em Fayet outrora. Terei aqui uma folga para um repouso de que estou precisando. O jardim da casa paroquial é agradável: bonitos cafeeiros em flor, laranjeiras, nogueiras do Brasil, ameixeiras, bananeiras, mamoeiros, cana, aipim, milho, feijão. O vigário cuida do jardim como cuida das almas.

22 de Novembro: Acompanho a romaria de Nossa Senhora dos Navegantes. Peço a ela uma boa viagem; ela me atenderá. A capela fica

na margem do rio em frente a Itajaí. Vai-se de barco. A imagem é a de Nossa Senhora do Sagrado Coração. Vários barcos foram oferecidos, como promessa, por marinheiros que escaparam de naufrágio.

A festa é celebrada no dia 2 de fevereiro. Ela é muito importante. Todas as embarcações do porto, grandes e pequenas, são enfeitadas e iluminadas. Desfilam em procissão; a mais enfeitada carrega a imagem e o clero. As fanfarras ressoam, alternando-se com foguetões; é uma verdadeira festa veneziana.

24 de Novembro: Passagem de quatro padres franciscanos que vão ao Capítulo Provincial em Petrópolis: Hospedam-se conosco. Eles nos edificam. Um pequeno vapor, o Rudi, os leva até o Rio. Os filhos de São Francisco por toda a parte obtêm facilmente condições favoráveis.

Que bela floração nos cafeeiros do jardim! As árvores estão cheias de flores. As pétalas cobrem o chão como a neve na Europa, mas que contraste entre esses tapetes que só se igualam na alvura! As flores do cafeeiro possuem um perfume mais doce do que o da laranjeira. Estas entontecem, aquelas acalmam. No jardim há também pitangueiras, arbusto que produz pequenas cerejas; jabuticabeiras, ameixas do Brasil, abóboras que crescem rapidamente, como o xuxú (sic). Há ocasião para festas locais. Aqui se costuma coroar os santos que se festejam. É fácil coroar os que possuem imagem, mas era problema para a Irmandade do Espírito Santo. Como coroar seu padroeiro? Um jovem e uma moça eleitos pelos Irmãos carregam a coroa real. Nesse dia têm seu lugar de honra na igreja, são incensados e levados em procissão até a sua casa. Eles simbolizam o Espírito Santo. Este costume vem das ilhas dos Açores, sete ilhas dedicadas ao Espírito Santo e a seus dons. As tradições açorianas dizem também que sete bispos, expulsos da Espanha pelos árabes, fundaram ali sete igrejas. As Açores eram conhecidas pelos fenícios, árabes, normandos. Por que não pela América também?

Na capela da Penha, dependente de Itajaí, os pretos querem que no Natal sejam coroados seus imperadores e imperatrizes do Rosário. A muito custo o vigário conseguiu persuadi-los para que se contentem em dançar na praça. Para eles certas danças são atos de religião.

No bom dicionário alemão de Brockhaus estudo um artigo sobre os semitas (judeus, abissínios e árabes) e os camitas (egípcios, bérberos, líbios, númidas, getulos). Nas ilhas Canárias ou guanchos; no Mar Vermelho os galos e somalis; na Espanha os iberos, os bascos, os turdetanos, os lusitanos, os cântabros, os gascões; na Ásia a ibéria caucasiana, os canaanitas. Várias dessas diversas raças contribuíram para a povoação da América.

Espera: nenhum barco vem do Norte. Como prosseguir minha viagem? O navio anunciado para o dia 26 chegará sem data fixa. O Brasil é o país da paciência.

No entanto gostaria muito de descer até Buenos Ayres. Tenho um meio: voltar antes até Santos e lá tomar um navio da empresa que vai ao Sul. Parece que o Saturno via subir para o norte dia 29; isto me convém. Em Santos irei encontrar o Amazonas ou um outro navio que desce.

O tempo é lindo. Meu termômetro marca diariamente 22 graus pela manhã e 25 ao meio dia. Pelas 09,03 hs. da manhã levanta-se cada dia uma brisa, as cortinas de minha janela me dão o sinal, elas se agitam. É um momento de repouso.

Leio a História do Brasil e faço um pequeno resumo conforme o Reclus e o Manual Brasileiro.

Circular SCJ – 15 anos de BSP e BRM.

Comments are closed.