Banner

Nossa História

Para conhecer a história da BSP (Província Brasil São Paulo) é necessário um breve comentário sobre a chegada dos Padres do Sagrado Coração de Jesus ao Brasil.

Em 1903, chegou à Ilha do Desterro, hoje Florianópolis, em Santa Catarina, os padres Gabriel Lux e José Foxius. Os anos iam passando chegavam ao Brasil mais padres alemães para ajudar nas paróquias próximas. Sendo que ao final de 1908, o contingente de Dehonianos eram de 17 membros. No ano de 1919, os padres começaram a atender a região Sudeste, assumindo a direção do seminário Maior e Menor, em Taubaté, São Paulo.

Como se pode ver, os primeiros anos da história, além do sério trabalho de formação nos seminários de Taubaté (SP), Brusque (SC) e Corupá (SC), foram marcados pelo acelerado ritmo de expansão territorial. E toda essa região passou a ser chamada BM (Província Brasileira Meridional), no dia 25 de abril de 1934.

Em 1987, diante da grande extensão territorial da Província BM, tem-se a idéia de criar novas estruturas administrativas. Entre elas, a de divisão da Província Brasileira Meridional em duas: Província Brasileira Meridional e Província Brasileira Central.

Após projetos, estudos, capítulos e orações, nasceu a BC (Província Brasileira Central) com sede em São Paulo. Para celebrar o importante evento histórico da criação das novas Províncias, na respectiva data de ereção canônica, dia 2 de fevereiro de 2003, o governo provincial antecipou a celebração de ações de graças, para o dia 31 de janeiro, no Santuário São Judas Tadeu em São Paulo. Cerca de 50 religiosos dehonianos estiveram presentes nesse ato celebrativo que marcou o surgimento da Província BC.

Neste sentido, a atual Província Brasil São Paulo, nome reformulado recentemente pelo Governo Geral, surgiu diante de desafios que exigem um novo ardor e nova forma de evangelização. Mas também foi resultado do próprio amadurecimento da Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus na região Sul e Sudeste do Brasil. Isso está bem expresso neste trecho da carta do pe. Virgínio Bressanelli,scj, então Superior Geral a Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus, na época:

Hoje vocês atingem a meta que iluminou a caminhada de toda a antiga BM por cerca de 13 anos. Não foi somente um caminho de busca e de empenho em definir estas novas realidades, mas também um caminho de renovação espiritual, comunitária e apostólica de vocês, como pessoas e como unidade congregacional. Por isso, rendemos graças ao Senhor, junto com vocês, e pedimos que Ele continue os abençoando para que cresçam sempre mais em qualidade de vida religiosa dehoniana e em número, a fim de que o Reino do Coração de Jesus se enraíze nas pessoas e nas sociedades”.

Comments are closed.